Colocações no concurso IM2018 e procedimento excepcional

Cimgf 1 690 400
27 Junho 2018

ACTUALIZAÇÃO 2018-06-27

A ACSS já identificou os médicos internos que devem iniciar a sua formação a 1 de Julho, pelo que actualizamos o mapa de colocações.

Destacamos que é entendimento da ACSS que os médicos internos que tenham ocupado vagas indicadas como estando disponíveis apenas em Janeiro de 2019, mas já tenham concluindo o Ano Comum, devem iniciar a formação a 1 de Julho de 2018. Se pretenderem iniciar a formação apenas em Janeiro, terão de o solicitar em requerimento à ACSS, enviado com conhecimento à Coordenação.

Solicitamos a todos os médicos internos colocados no concurso IM2018 e que já concluíram o Ano Comum, mas escolheram vagas assinaladas como estando disponíveis apenas em Janeiro, que contactem a Coordenação de imediato se ainda não o tiverem feito (ver informação anterior).

Com esta informação da ACSS, deixa de ser necessário o contacto dos médicos internos que ainda se encontram a realizar o Ano Comum e foram colocados em vagas assinaladas como estando disponíveis para início da formação em Julho de 2018

Internos MGF LVT 2019

 

Colocações no concurso IM2018 e procedimento excepcional

A ACSS publicou no dia 22 de Maio a lista de colocações de médicos internos relativa ao procedimento excepcional aberto ao abrigo da Portaria n.º 206/2017 e no dia 22 de Junho a lista de colocações de médicos internos relativa ao concurso IM2018. Alguns médicos colocados no âmbito destes concursos concluíram já o Ano Comum e poderão iniciar a sua formação a 1 de Julho. Contudo, tal como identificado no mapa de vagas, nem todas as unidades de formação para a especialidade de Medicina Geral e Familiar da Administração Regional de Saúde Lisboa e Vale do Tejo possuem capacidade formativa para receber médicos internos em Julho. A ACSS não identificou ainda os médicos que devem iniciar a formação a 1 de Julho.

No documento abaixo encontra-se a lista de colocações no âmbito dos dois concursos, estando assinaladas as vagas em que os médicos internos devem iniciar a formação a 1 de Julho. Porém, nem todas essas vagas terão sido ocupadas por médicos internos com o Ano Comum concluído e, por outro lado, poderão existir médicos internos com o Ano Comum concluído que tenham escolhido vagas não disponíveis para iniciar a formação a 1 de Julho.

Assim:
- Todos os médicos internos colocados no âmbito do procedimento excepcional aberto ao abrigo da Portaria n.º 206/2017 devem iniciar a sua formação a partir de 1 de Julho (indicações a disponibilizar brevemente na página – recepção em moldes idênticos à de 2017 http://www.arslvt.min-saude.pt/frontoffice/pages/962?news_id=1403);
- Os médicos internos colocados no concurso IM2018 que tenham ocupado vagas para início de formação a 1 de Julho e não tenham ainda concluído o Ano Comum deverão contactar a Coordenação por correio electrónico (laura.valente@arslvt.min-saude.pt) para que seja programado o início da sua formação a 1 de Janeiro de 2019;
- Os médicos internos colocados no concurso IM2018 que já tenham concluído o Ano Comum e tenham ocupado vagas não indicadas para início da formação a 1 de Julho deverão contactar a Coordenação por correio electrónico (laura.valente@arslvt.min-saude.pt) para que seja solicitada a sua reafectação para locais com capacidade formativa disponível ou, quando pretendam manter a colocação na unidade escolhida, poderão requerer o adiamento do início da formação específica para 1 de Janeiro de 2019 (quando a vaga ficará disponível) ao abrigo do n.º 4 do artigo 10.º do Regime do Internato Médico, conforme regulamentado pelo artigo 41.º do Regulamento do Internato Médico;
- Os restantes médicos internos iniciarão a sua formação a 1 de Janeiro de 2019.

Internos colocados MGF LVT 2019