Mais 91 camas de Cuidados Continuados Integrados em Lisboa

Lp1 1 690 400
15 Setembro 2021

A Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT), o Instituto de Segurança Social (ISS) e a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (SML) firmaram, hoje, dia 15 de setembro o contrato-programa da nova Unidade de Cuidados Continuados Integrados (UCCI) Rainha D. Leonor.

A UCCI Rainha D. Leonor, que funcionará numa estrutura requalificada (antigo Hospital Militar da Estrela), tem capacidade para 91 camas, distribuídas por 3 tipologias: Unidade de Convalescença (UC) com 13 camas, Unidade de Média Duração e Reabilitação (UMDR) com 39 camas e Unidade Longa Duração e Manutenção (ULDM) com 39 camas.

A UC iniciará atividade esta quinta-feira, 16 de setembro. Já a UMDR deverá entrar em funcionamento no final do mês e a ULDM, em meados de novembro.

Com estas novas respostas, Lisboa passa a dispor de 100 camas da tipologia Convalescença, 84 camas de Média Duração de Reabilitação e 92 camas de Longa Duração e Manutenção da RNCCI.

Para o responsável máximo da ARSLVT, Luís Pisco, esta nova unidade de cuidados continuados integrados vem reforçar a aposta que tem vindo a ser feita na cidade de Lisboa, com vista a garantir uma prestação de cuidados de saúde e de apoio social integrada a todas as pessoas que se encontrem em situação de dependência.