DICAD da ARSLVT na comemoração dos 15 anos do Rock in Rio Lisboa

Fui 1 690 400
10 Setembro 2019

O Rock in Rio (RIR) Lisboa para assinalar o seu 15.º aniversário em Portugal promoveu entre os dias 6 e 8 de setembro um festival de música gratuito junto à Torre de Belém, em Lisboa. A organização do evento desafiou, uma vez mais,  a Divisão de Intervenção nos Comportamentos Aditivos e nas Dependências (DICAD), da Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo, (ARSLVT) a marcar presença.

Esta dinâmica decorre do reconhecimento por parte da organização, de um trabalho que vem sendo desenvolvido desde 2016, e que, de acordo com a organização, tem vindo a melhorar a experiência dos frequentadores do Rock In Rio.

A reforçar a importância de mais esta iniciativa da DICAD, Luís Pisco, Presidente da Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT), acompanhado pelo Coordenador da DICAD, Joaquim Fonseca, visitou o espaço fixo da DICAD Let´s Talk onde pôde testemunhar o excelente trabalho que esta equipa de profissionais num ambiente de festa e descontração desenvolvem junto dos festivaleiros. “Este é um trabalho que temos vindo a desenvolver com a organização do RIR desde 2016 e que tem sido muito bem acolhido pelas pessoas, apostando na prevenção e promoção da saúde”, concluiu.

Durante os três dias do festival foram abordadas mais de 1.100 pessoas, efetuados 179 testes de álcool, 32 testes de monóxido de carbono, distribuídos 94 preservativos femininos e 130 preservativos masculinos, 330 géis lubrificantes e 559 chupa-chupas.

Outra dimensão desta intervenção da DICAD prende-se com a venda responsável de álcool, junto do operadores responsáveis pela venda de bebidas alcoólicas. Durante o festival estiveram envolvidos 7 técnicos que tiveram uma ação de sensibilização junto dos operadores e funcionários de bares e restaurantes, reforçando esses contactos ao longo dos três dias com distribuição de crachás alusivos à não disponibilização de bebidas alcoólicas a menores. Foram abordados 121 colaboradores dos 13 bares existentes no recinto, distribuídos 99 crachás, e foram contactadas 152 pessoas.