Ministra da Saúde inaugura novas instalações em Peniche e na Benedita

Peniche 1 1 690 400
27 Junho 2019


Marta Temido, Ministra da Saúde, presidiu às cerimónias de inauguração da Unidade de Saúde de Peniche e da Unidade de Saúde da Benedita. As cerimónias decorreram a 26 de junho e contaram com a presença de Luís Pisco, Presidente da Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT), Ana Pisco, Diretora Executiva do ACES Oeste Norte, Henrique Antunes, Presidente da Câmara Municipal de Peniche e de Paulo Inácio, Presidente da Câmara Municipal de Alcobaça, entre outras individualidades. 

As novas unidades integram-se no Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Oeste Norte e vêm melhorar as condições assistenciais para profissionais e para a população das duas localidades.


Sendo uma renovação profunda do edifício onde funcionava o centro de saúde, a Unidade de Saúde de Peniche tem capacidade para cerca de 30.200 utentes. A obra foi promovida pela ARSLVT e representa um investimento superior a 900 mil euros, cofinanciado pela Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (15%) e por fundos comunitários do Portugal 2020 (85%). 


Na cerimónia, Ana Pisco deu a boa notícia. "Até agora, a unidade de saúde de Peniche tinha uma percentagem elevada de utentes sem médico de família. É com grande satisfação que aqui afirmo que, a partir de dia 1 de julho, com a colocação de 3 especialistas em Medicina Geral e Familiar, poderemos atribuir médico de família praticamente à totalidade de utentes residentes neste concelho". "Este edifício, que data de 1985, necessitava de uma requalificação para se adequar à necessidade de cuidados aos utentes em pleno no séc. XXI: cuidados integrados, de grande proximidade com as populações e de fácil acesso”, explicou a Diretora Executiva do ACES Oeste Norte.

Por sua vez, Marta Temido, Ministra da Saúde, afirmou que com a contratação destes três clínicos, “a componente médica ficará assegurada, o que não significa que não haja outras necessidades que hoje identificaram relacionadas com outros grupos profissionais”.


Esta unidade integra, no mesmo edifício, várias unidades funcionais: Unidade de Saúde Familiar (USF) Marés, Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados (UCSP), Unidade de Cuidados na Comunidade (UCC), Unidade de Recursos Assistenciais Partilhados (URAP) e Unidade de Saúde Pública (USP) de Peniche, além da Unidade de Intervenção Local (UIL) de Peniche nos Comportamentos Aditivos e nas Dependências. Recorde-se que esta última funcionou desde a sua fundação num espaço com deficientes condições estruturais, isolado da comunidade e dos serviços de saúde.  

A equipa desta unidade de saúde conta 9 médicos de família, 1 médico de saúde pública, 18 enfermeiros, 1 assistente social, 1 higienista oral e 7 assistentes técnicos.


Construída totalmente de raiz, a Unidade de Saúde da Benedita recebeu a USF Santa Maria Benedita e os seus 9.596 utentes atualmente inscritos.


Marta Temido felicitou todos os que contribuíram para dar melhores condições de assistência à população da maior freguesia de Alcobaça. Reconhecendo a Unidade de Saúde da Benedita como um exemplo do que de bom o Serviço Nacional de Saúde (SNS) tem, a Ministra da Saúde também referiu que o SNS precisa de melhorar em algumas áreas. E neste âmbito, assumiu a necessidade de construir o novo hospital da região do Oeste.



A obra da Benedita foi promovida pela Câmara Municipal de Alcobaça e representa um investimento de cerca de 1.900 mil euros, cofinanciado pela Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (7,5%), município de Alcobaça (7,5%) e por fundos comunitários do Portugal 2020 (85%).
As novas instalações permitem substituir o edifício com deficientes condições estruturais onde, desde há muitos anos, funcionava aquela USF.


Esse facto foi, aliás, sublinhado por Ana Pisco. “Aqui, os 9.596 utentes atualmente inscritos na USF Santa Maria Benedita poderão usufruir de uma considerável melhoria das condições assistenciais e de acesso à unidade. Igualmente beneficiários do conforto e configuração das novas instalações, a equipa passa a ter condições para o seu tão desejado alargamento”. Mais: A nova casa da USF Santa Maria Benedita permitirá ainda receber jovens médicos em formação, algo há muito ambicionado por todos e, até agora, limitado pelo espaço exíguo em que se encontravam”.


A equipa que agora ganha novas instalações é composta por 5 médicos de família, 5 enfermeiros e 4 assistentes técnicos.


Recorde-se que o Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Oeste Norte desenvolve as suas atribuições na área territorial correspondente aos Municípios de Alcobaça, Nazaré, Caldas da Rainha, Óbidos, Peniche e Bombarral. É um ACES que abrange uma área geográfica correspondente a 1.056,7 km².
O ACES Oeste Norte é atualmente constituído por um total de 6 Unidades de Cuidados de Saúde Personalizados (UCSP), 9 Unidades de Saúde Familiar (USF), 3 Unidades de Cuidados na Comunidade (UCC), 1 Unidade de Saúde Pública e 1 Unidade de Recursos Assistenciais Partilhados (URAP), num total de 56 postos de atendimento.