Frio: recomendações

Frio 1 690 400
30 Dezembro 2014

A exposição a períodos de frio intenso pode ser responsável por efeitos nefastos na saúde, nomeadamente hipotermia, ulcerações e enregelamento. Perante a previsão de tempo frio para os próximos dias as Autoridades de Saúde recomendam:

      1. Verifique a manutenção dos equipamentos utilizados para aquecimento antes de os utilizar;
      2. Se utilizar lareiras, braseiras, salamandras ou equipamentos a gás mantenha a correta ventilação das divisões de forma a evitar a acumulação de gases nocivos à saúde;
      3. Não utilize equipamentos de aquecimento de exterior em espaços interiores;
      4. Antes de se deitar ou sair de casa certifique-se de que apagou/desligou os equipamentos de aquecimento, de forma a evitar fogos ou intoxicações;
      5. Tenha especial atenção com os idosos e crianças para evitar queimaduras.

 

As pessoas mais vulneráveis ao frio são:

• Crianças;

• Idosos;

• Doentes crónicos, (problemas respiratórios e cardiovasculares);

• Os sem-abrigo.

 

Proteja-se:

• Use várias camada de roupa, adequada à temperatura ambiente;

• Proteja as extremidades do corpo (use luvas, gorro, meias quentes e cachecol);

• Ingira bebidas e alimentos quentes.

 

A ARSLVT recomenda ainda que se mantenha atento às recomendações das autoridades designadamente a Direcção-Geral da Saúde (DGS), Autoridade Nacional de Proteção Civil e do Instituto Português do Mar e da Atmosfera.

Em caso de emergência ligue o 112.

Para mais informações ligue para a Linha Saúde 24 - 808 24 24 24

 

Consultar Recomendações Frio

Consultar Orientação DGS

Consultar Informação no Website da DGS