EEA Grants

Final 11 1 700 200

Bem Vindo

Gostaríamos de vos dar as boas-vindas ao Projeto, promovido pela Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo, dedicado à redução das desigualdades nutricionais em meio escolar, através da promoção da Dieta Mediterrânica: “Eat Mediterranean: A Program for Eliminating Dietary Inequality in Schools”.

 

O Projeto pretende alcançar os benefícios em saúde que todos desejamos: adoção de comportamentos saudáveis na área da nutrição e do exercício físico e a prevenção da doença!

 

Assenta nos seguintes valores e princípios:

- Colocar-se ao serviço da população e comunidades educativas

- Intervenção em meio escolar, ambiente privilegiado para a promoção da saúde

- Aproximação de organizações e pessoas ativamente motivadas da sociedade civil com a participação responsável da Comunidade e uma Rede viva de Parcerias

- Redução das desigualdades sociais

- Acesso equitativo

- Igualdade de género

- Respeito pelas diferentes etnias e culturas

- Sustentabilidade

 

A ARSLVT, IP está fortemente empenhada no Projeto, cuja implementação e impacte depende, na sua essência, do trabalho em Rede de Parcerias, assente nas Comunidades Locais e, sobretudo, da participação de todos Vós!


Apresentação

Candidatura da Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT) selecionada para financiamento do EEA Grants, Programa Iniciativas em Saúde Pública.

A Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo I.P., candidatou ao EEA Grants – Programa Iniciativas em Saúde Pública, o Projeto “Eat Mediterranean: A Program for Eliminating Dietary Inequality in Schools“, que foi seleccionado para financiamento.

O projecto concorreu na área programática “Redução das Desigualdades ao nível da Nutrição” e Subárea NU2 “Melhoria da capacidade de gestão das desigualdades nutricionais nas escolas” e foi classificado pelo Comité de Seleção com 90,63%.

A decorrer até ao final de 2016, o projecto tem por objectivo criar colaborações multissectoriais entre as áreas da saúde, educação e autoridades locais, com vista à redução das desigualdades ao nível do estado nutricional e vai desenvolver actividades centradas na melhoria da Saúde Pública.

São parceiros da ARSLVT, I.P. três Agrupamentos de Escolas do distrito de Santarém – Agrupamento de Escolas Dr. Ginestal Machado e Agrupamento de Escolas Sá da Bandeira, ambos em Santarém, e Agrupamento de Escolas Dr. José Relvas, em Alpiarça, a Câmara Municipal de Alpiarça, o Centro de Estudos e Investigação em Dinâmicas Sociais e Saúde e o ISCTE-IUL – Instituto Universitário de Lisboa.

Trata-se de um projecto de Intervenção Comunitária que tem como finalidade contribuir para a redução das desigualdades nutricionais em meio escolar através da promoção da Dieta Mediterrânica. A Dieta Mediterrânica, elevada pela UNESCO a Património Cultural da Humanidade, em 2013, representa um modelo alimentar completo e equilibrado com benefícios reconhecidos pra a saúde, com redução da mortalidade por doença cardiovascular e oncológica.

O projeto segue a estratégia de intervenção em saúde pública, preconizada pela Organização Mundial de Saúde, adotando um modelo de intervenção multissectorial, de promoção da alimentação saudável e exercício físico, dirigido a crianças e jovens, na escola, ambiente privilegiado de intervenção. Este modelo incorpora questões associadas à equidade social, direitos humanos e capacitação de pessoas e comunidades.

O projecto encontra-se alinhado com os objectivos, estratégias e actividades do Programa Nacional de Promoção da Alimentação Saudável, Programa Prioritário da Direção-Geral da Saúde, contribuindo para a sua implementação e está orientado para a obtenção de resultados em saúde. Está ainda alinhado com a Estratégia Nacional para a Redução de Sal e concorre, também, para a implementação do Programa Nacional de Saúde Escolar.

Acompanhe o evoluir do Projeto AQUI

The Portal has available the functionality of automatic retroversion of Portuguese language content into several languages, including English. This feature is also available on the webpage of the project by clicking " Select Language " on the upper right corner of the Portal , above the Contents Menu.