ARSLVT e Câmara Municipal de Mafra firmam protocolo para criação de Academia de Mobilidade

Img 8899 1 690 400
17 Dezembro 2018

Os Paços do concelho de Mafra foram o palco escolhido para a assinatura de um protocolo de colaboração entre a A Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT), e a Câmara Municipal de Mafra, representadas pelos seus mais altos dirigentes, para a criação da Academia de Mobilidade Mafra Saudável (AMMS).

Este protocolo decorre do interesse recíproco entre o Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Oeste Sul e da Câmara Municipal de Mafra, em estreitar os laços de colaboração, através do qual se pretende fomentar a atividade física e a prática regular do exercício físico, promovendo hábitos de vida saudáveis e o envelhecimento ativo, melhorando, assim, a qualidade de vida das pessoas.

Dirigindo-se aos presentes, o responsável máximo da ARSLVT, Luís Pisco referiu que a atividade física, a par de uma alimentação adequada são fatores absolutamente decisivos para uma vida mais saudável, e por isso, mais longa. 

O presente protocolo de cooperação tem como destinatários todos os utentes do ACES Oeste Sul, inscritos em qualquer unidade funcional do Centro de Saúde de Mafra com grau de dependência ligeira a moderada, patologias como: cardiovascular (AVC, hipertensão); respiratória, metabólica, osteoarticular, neurológica, excesso de peso e depressão.

São objetivos da AMMS:

  • Promover hábitos de vida saudáveis;
  • Incentivar o exercício físico;
  • Aumentar a resistência cardiovascular;
  • Combater o sedentarismo;
  • Melhorar a saúde física e psicológica;
  • Contribuir para a melhoria do controlo do peso, diabetes e pressão arterial;
  • Prevenir as doenças cerebrovasculares e intervir nas sequelas do AVC através da reabilitação física e motora;
  • Aumentar a literacia em saúde;
  • Promover o autocuidado e o autocontrolo;
  • Contribuir para uma redução dos custos e uma utilização mais racional dos recursos de saúde.