Villa Romana: a nova USF de Rio Maior

Usfvr 1 1 690 400
14 Novembro 2018


Mais de 7.000 utentes de Rio Maior, dos quais cerca de 3.500 não tinham médico de família, passam a estar inscritos na mais recente Unidade de Saúde Familiar (USF) do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Lezíria. A inauguração da USF Villa Romana, que decorreu a 12 de novembro nas instalações do centro de saúde local, foi presidida por Luís Pisco, Presidente da Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT).


O responsável máximo pela ARSLVT destacou a colaboração com a Câmara Municipal de Rio Maior e comissão de utentes, felicitando toda a equipa da USF Villa Romana pela aposta neste modelo organizacional. De acordo com Luís Pisco, “12 anos depois das primeiras USF, o entusiasmo das novas equipas testemunha que esta é uma solução de sucesso”, quer para que mais pessoas tenham médico de família, quer para aumentar o acesso aos Cuidados de Saúde Primários.


Na cerimónia de inauguração também participaram Isaura Morais, Presidente da Câmara Municipal de Rio Maior, Carlos Ferreira, Diretor Executivo do ACES Lezíria, e Ana Luísa Bernardo, Coordenadora da USF Villa Romana. A assistir aos acontecimentos estiveram Laura Silveira, Vice-presidente da ARSLVT, os profissionais da USF, bem como das restantes unidades funcionais do Centro de Saúde de Rio Maior, além de representantes dos utentes e da edilidade.



Aumentar a acessibilidade e satisfação dos utentes, melhorar a qualidade e continuidade de cuidados e contribuir para uma maior eficiência dos serviços são os objetivos major da equipa da USF Villa Romana. Composta por 4 médicos, 5 enfermeiros e 2 secretários clínicos, a USF presta cuidados de saúde imediatos a mais de 7.000 utentes do concelho de Rio Maior, todos os dias úteis, entre as 8 e as 19 horas.

 


Esta nova unidade está a funcionar no edifício do Centro de Saúde de Rio Maior, em instalações que sofreram melhorias no valor de 61.500€. No mesmo edifício funcionam também uma Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados (UCSP), a USF Salinas, uma Unidade de Cuidados na Comunidade (UCC), o polo da Unidade de Saúde Pública (USP), além das valências Psicologia, Fisioterapia e Terapia Ocupacional, Cardiopneumologia, Radiologia e Medicina Dentária.
A USF Villa Romana está integrada no Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Lezíria. Com um total de 194.300 utentes, o ACES Lezíria tem por missão garantir a prestação de cuidados de saúde à população de 9 concelhos: Almeirim, Alpiarça, Cartaxo, Chamusca, Coruche, Golegã, Rio Maior, Salvaterra de Magos e Santarém, numa área territorial de 3.500 Km².




O ACES Lezíria tem em funcionamento 13 Unidades de Saúde Familiar (USF), 4 Unidades de Cuidados de Saúde Personalizados (UCSP) e 7 Unidades de Cuidados na Comunidade (UCC). Tem também uma Unidade de Saúde Pública (USP), uma Unidade de Recursos Assistenciais Partilhados (URAP), bem como uma Equipa de Suporte em Cuidados Paliativos.