Campanha de vacinação contra a gripe da população sem-abrigo de Lisboa

Img 8378 1 690 400
22 Dezembro 2017

Tal como sucedeu em anos anteriores, a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT), no âmbito da Campanha de Vacinação Contra a Gripe 2017/2018, procedeu ao levantamento das necessidades da população mais vulnerável, designadamente das pessoas a viver em situação de sem-abrigo na cidade de Lisboa, organizando uma campanha de vacinação contra a gripe sazonal junto desta população específica, em colaboração com o Núcleo de Planeamento e Intervenção Sem-Abrigo (NPISA) e diversas entidades do setor social e organizações da sociedade civil.

No dia 21 de dezembro, o Conselho Diretivo da ARSLVT, o DSP e o NPISA tiveram a oportunidade e o prazer de visitar o Centro de Alojamento Temporário (CAT) do Exército de Salvação, onde estava a decorrer a campanha de vacinação, e de agradecer, in loco, a todos os voluntários e associações que tornaram possível esta campanha tão bem-sucedida de saúde pública e cidadania em saúde.

A campanha, a decorrer entre os dias 13 e 22 de dezembro, foi promovida pelo Grupo Regional de Vacinação do Departamento de Saúde Pública (DSP) da ARSLVT, e contou com o contributo inestimável de profissionais de saúde voluntários (médicos/as e enfermeiros/as) das seguintes associações parceiras: Ares do Pinhal, Comunidade Vida e Paz, o Centro de Alojamento Temporário Mãe d'Água da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (CATMA – SCML), os Centros de Alojamento Temporários (CAT) do Beato e de Alcântara da Câmara Municipal de Lisboa, os Centros de Alojamento Temporários (CAT) da Graça  e da Porta Amiga das Olaias da Assistência Médica Internacional (AMI), o Centro de Alojamento Temporário (CAT) do Exército de Salvação, Associação de Assistência S. Paulo, Médicos do Mundo (MdM), Espaço Âncora, Associação Conversa Amiga (ACA) e Associação dos Albergues Nocturnos de Lisboa (AANL).

Até ao momento, no âmbito da campanha, foram vacinadas 654 pessoas.